Existe uma diferença significativa entre espaços criados por decoradores e por designers de interiores. Um decorador vai-se focar na parte estética. Um designer de interiores vai considerar cada pormenor para que seja agradável viver na sua casa. Portanto, quando considerar o seu próximo redesign, certifique-se de que usa este pequeno guia. Vai ajudá-lo a tornar a sua casa não só bela como também prática.

  

1. Pense bem os locais de passagem

Isto é um dos erros mais habituais que os decoradores (profissionais e outros) cometem, especialmente quando lidam com espaços abertos. O espaço vazio é assustador, e a tentação é simplesmente acumular mais mobília. Deve, no entanto, considerar que as pessoas não vão simplesmente estar sentadas a aproveitar os seus confortáveis sofás, vão ter de entrar e sair. Planeie o fluxo de cada divisão e como as pessoas se vão movimentar. Dê pelo menos 90 cm para os pontos de passagem, que é o suficiente para duas pessoas se poderem cruzar sem desconforto.

Mas não exagere.

Entre os espaços menos viajados (digamos entre a mesa de centro e o sofá, ou entre duas poltronas), 45 cm é suficiente. Não quer ter de se levantar para pegar na caneca de chá, ou ter de levantar a voz para que o ouçam quando tiver gente em casa.

  

  

2. Entenda a sua linha de visão

A altura perfeita para um televisor é ao nível dos olhos quando se sentar para a ver, independentemente do quão bem o aparelho fica por cima da lareira, como se fosse um quadro. Se tiver uma TV na cozinha, no entanto, ou um monitor num espaço de trabalho partilhado, talvez queira procurar a altura dos olhos quando estiver em pé.

Evidentemente, esta regra não se aplica apenas a televisores. É uma regra geral. Os quadros devem estar em lugares onde possam ser observados confortavelmente (i.e., não atrás de mobília, ou sobre estantes). As próprias estantes devem ser decoradas de forma a que as lombadas dos livros possam ser consultadas com facilidade. Esta regra aplica-se a tudo.

   

tv e móvel de sala

  

  

3. A luz natural é a sua melhor amiga

Deve aproveitar o máximo que puder desta luz. As cortinas são um elemento decorativo maravilhoso e claro que as deve integrar nos seus planos, mas certifique-se de que tem espaço suficiente para as recolher na totalidade de forma a que a luz inunde o espaço. Certifique-se que conhece a direção de cada uma das janelas das suas divisões. Se está no hemisfério norte, os quartos virados a sul são os que vão ter mais luz durante todo o dia, portanto são talvez ideais para um bom escritório doméstico e, claro, para receberem plantas. Os quartos talvez não devam estar virados a leste, a direção da qual o sol se ergue de madrugada. A não ser, claro, que acorde muito cedo, situação em que o contrário se verifica. Encontre a solução ideal para si.

  

  sala de estar

  

  

4. Os bancos são uma arma secreta

A sua versatilidade é um ingrediente muito apreciado pelos designers. São bonitos, e é muito fácil combiná-los com a restante decoração. E têm uma vantagem: são fáceis de arrumar. Se precisar de os remover inteiramente, provavelmente não vão desequilibrar o seu plano de sala. E mesmo que precise apenas de os guardar temporariamente, basta encostá-los a uma parede, onde ficarão quase sempre bem, vistos de qualquer direção. Se precisar de assentos extra, basta devolvê-los ao sítio.

Mas não é apenas por isso que são tão úteis.

Os bancos com tampa podem ser usados como espaços de armazenamento extra. Os bancos decorativos podem ser usados para adicionar um elemento de cor ou uma estética diferente a um quarto. Os bancos que não estejam a ser usados podem servir de prateleira para mantas (de diferentes cores, porque não) para uma noite mais fresca. Podem ser o que quiser que sejam.

  

decoração de sala de estar com bancos em tons de verde

  

  

5. Vista a sua cama

O quarto é o espaço mais íntimo e pessoal da casa, e isso deve ser visível. A sua sala de estar, ou o seu escritório, devem demonstrar um pouco da sua personalidade e fazer com que os seus convidados o conheçam ao entrar neste espaço de partilha. O quarto, no entanto, é para si. Tem de ser seu. A decoração não deve deixar dúvidas em relação a isso.

A cama é o centro de cada quarto. Ocupa mais espaço do que qualquer outro móvel, e, como tal, ocupa uma posição de dominância. A cama precisa, portanto, de ser vestida. Isto não significa necessariamente uma grande e trapalhona quantidade de almofadas decorativas, mas implica, isso sim, roupa de cama de grande qualidade que estabeleça o tom da decoração de todo o espaço, tanto em termos de cor como de padrão e personalidade.

Se está à procura de roupa de cama de grande qualidade para tornar isto uma realidade, recomendamos vivamente que visite a nossa loja online. Também vai encontrar deliciosas mantas para os seus bancos! Cada peça que produzimos é feita com o máximo cuidado pelos nossos artesãos e enviada diretamente da fábrica para sua casa, cortando nos intermediários e garantindo preços incríveis para peças notáveis.

  

decoração de quarto, cama e quadros