Existe uma ideia persistente de que o design de interior se resume a opções estéticas. Basta criar um espaço que pareça bonito, e está o maior (na verdade único) problema resolvido. Isto não é verdade.

  

O design de interiores fornece inúmeras experiências. Um espaço bem decorado pode empoderar o nosso trabalho, ajudar a relaxar no final do dia ou até ajudar-nos a ser mais produtivos. Mas e se puder dormir melhor? Seria de presumir que com as luzes apagadas não seria o caso.

Mas é.

Eis algumas notas sobre como conseguir um espaço que o ajudará a descansar:

  

Arranje uma cama com um bom tamanho

Mais é menos, não é? Há algumas filosofias de design que enfatizam o minimalismo e o livrarmo-nos de tudo o que é supérfluo. Camas mais pequenas e colchões mais estreitos são cada vez mais populares, porque as pessoas procuram a elegância em vez de outras características. Isto é um erro. A cama deve ser o centro nevrálgico do design de um quarto e tudo o resto deve ser construído à sua volta. Nunca deve dormir num colchão mais pequeno do que precisa. Uma falta de espaço para virar naturalmente e se movimentar durante o sono é terrível para a saúde. Uma cama de 140 cm de largura é o mínimo.

  

qaurto

  

  

A cabeceira da cama deve ser um lugar seguro

Muito de nós é ainda instintivo, apesar de acharmos que somos muito racionais e evoluídos. Uma cabeceira sólida, diretamente apoiada na parede, confere muita segurança. Colocar a cama no centro do quarto pode parecer muito avant-garde, mas nunca conseguirá aquietar a parte do cérebro que lhe diz que algum assaltante poderá estar atrás de si. Ainda sobre este assunto: a sua cama deve estar diretamente em frente à porta. Não questione as tradições neste aspeto. Dormirá melhor.

  

decoração de quarto

  

  

Pense em cor, mas também em textura

Quem não viu já fotografias de quartos fulgurantes e inteiramente brancos? Ou até inteiramente pretos? Não é tão sofisticado ser monocromático? Bom, podem parecer lindíssimos, mas esses quartos não são ideais para dormir. Ambientes monocromáticos, especialmente com cores brilhantes (como o branco) despertam os nossos sentidos. O ideal são cores calmantes e naturais, como tons de azul, verde, rosas suaves. Pense também em padrões e texturas. Os seus edredons e mantas devem ser agradáveis à vista e ao toque, ajudando-o a atingir a calma e o sono.

   

decoração de interiores

  

  

A confusão é o inimigo

Da mesma maneira que uma mente sobrecarregada é uma mente que não descansa, um quarto sobrecarregado terá o mesmo efeito. A desarrumação é uma lembrança constante de tarefas por acabar. E não nos referimos apenas a roupa suja, ou trabalho por acabar. Um excesso de elementos decorativos ativa o nosso cérebro para verificar se estão todos no sítio certo. Mesmo que os esteja a ver pela milésima vez, o seu cérebro vai sempre tentar identificá-los um a um.

  

quadros na parede do quarto

   

   

A iluminação é fundamental

E não estamos a falar apenas de usar persianas para moderar a luz da manhã, estamos a falar de todas as formas de luz. Vivemos num mundo cheio de poluição luminosa e esse é um dos principais fatores das piorias na nossa saúde de sono. A iluminação do seu quarto deve ser pensada com cuidado. Não use luzes excessivamente fortes de todo. Prefira luzes de cabeceira às do teto. E, se tiver mesmo de usá-la, instale moderadores em vez de simples interruptores, para poder manter sempre os níveis de luz ao seu gosto.

Evite monitores luminosos no quarto. Isto inclui tablets, telemóveis, computadores e a televisão. Qualquer ecrã retroiluminado é mau para a saúde do seu sono. Evite. Leia um livro, por exemplo, que é uma opção muito preferível.

  

luz a entrar no quarto

  

  

Não se esqueça dos outros sentidos

Uma fragrância agradável faz parte do design de interiores? Certamente. E a banda sonora também. Há muitos aromas que podem promover um estado de alerta e que devem ser evitados, como detergentes químicos. Por outro lado, sprays delicados de lavanda ou uma vela aromática cuidadosamente colocada podem ser o pormenor que transforma um ambiente. E o mesmo vale para os sons. Uma aparelhagem ou umas colunas pelo quarto podem ser uma excelente alternativa às luminosas televisões. Há quem prefira sons do oceano, há quem prefira ouvir a voz delicada de Stephen Fry a ler um audiolivro. Isto é uma escolha muito pessoal.

Leve em consideração estas recomendações para criar um espaço que seja bom para o seu sono e descanso. Lembre-se que o seu quarto é um espaço onde vai passar mais de um terço do seu dia, todos os dias. Deve trabalhar para si.

E se estiver à procura de roupa de cama de qualidade e maravilhosa, não se esqueça de espreitar a nossa loja online. Lá encontrará exatamente o que procura.